Aula 1 – parte 4

AVANÇAR À PARTE 1 DA AULA 2 

RETORNAR À PARTE 3 DA AULA 1

ESTA É A PARTE 4 DA AULA 1:

(postada em 12 de janeiro) 

00b professor M.T.Keshe

TEMA PRINCIPAL

DICAS E TRUQUES

Estes, portanto, são os materiais a usar e os primeiros fundamentos do sistema energético, MP (Magrav Power). Depois que você já estiver usando seu MP de modo correto, então iremos lhes mostrar como fazer comida e como fazer remédios tendo o MP de energia como base, como o Sol do sistema.
[A seguir Keshe passa a considerar os dois conjuntos de bobinas que formam um “andar” ou bandeja dentro do MP: Keshe os chama apenas de “set”, mas fazemos diferenciação, destacando 2 conjuntos em cada bandeja de forma a não confundir o leitor]
Consideremos como A o conjunto de bobinas mais interno e B o conjunto de bobinas mais externo.
104
Então temos em A um conjunto com uma bobina do lado de dentro e outra do lado de fora, e em B outro conjunto com uma bobina do lado de dentro e outra do lado de fora, sendo A de menor tamanho e B de tamanho maior.
105
Você necessita fazer 3 de cada conjunto e também separar cerca de 10 arames  de 15 cms cada para revestunebtim sendo que os arames devem ser colocados para nano revestir juntamente com os conjuntos de bobinas a partir da segunda etapa de revestimento.
Uma dica simples de se algo que você pode fazer e que vai fazer toda a diferença seria isto: ao concluir suas bobinas, e ao separar as peças de arame, – e antes de qualquer nano revestimento -, faça uma pequena dobra nas pontas dos arames soltos e também das bobinas, dobrando a ponta do arame sobre si mesmo (mas não tanto até encostar a ponta no arame de modo a ter uma passagem de encaixe.),
106
[O desenho feito acima, no quadro, deixa a desejar. Segue portanto outra dica visual: ]
109
pois toda vez que você torce o arame sobre si mesmo a energia é absorvida de volta pela bobina ou pelo arame e desta forma você “não perde todos os campos”, como ocorreria se você os deixasse circular numa “linha aberta”. São pequenas técnicas como esta que você deve cuidar de fazer para levar a um bom sistema que no final funcione. Ou seja,  você vai descobrir que fazer estas dobras enfim fez em seguida uma enorme diferença.  Tudo que você deve lembrar é de fazer estas dobras em ambas as extremidades do arame ou da bobina, antes de levá-los à cáustica, ao nano revestimento. Deve se lembrar que, quando se trata de nano materiais, não podemos soldá-los. Ninguém até agora conseguiu soldar um fio realmente nano revestido.
108
O único modo pelo qual se pode conectar nano materiais entre si de modo a garantir as transferências de energia de campos entre eles é fazendo estas doras nas pontas  pontas antes do nano revestimento, para posterior encaixe.. Tente compreender o porquê disto. Quando você tem dois arames nano revestidos e você quer conectá-los um ao outro, isto é, quer juntar esses arames, haverá uma lacuna magnética entre os dois.
107
Existe um campo magnético entre os dois e eles não poderão ser soldados (pois isto faria com que se perdesse  o nano revestimento e o campo magnético). Ao lidar com arames nano revestidos você não poderá conectá-los um ao outro por enrolamento como se faz normalmente no método tradicional [Keshe faz o gesto com as mãos, que é aquele que todo eletricista faria], porque desta forma você estaria lidando com eles num estado de matéria ao invés de num estado de plasma e deste modo você só terá complicações. Portanto, só o que você pode fazer com eles é interligar os arames dobrados um ao outro de modo que o plasma possa se mover através da superfície um do outro e as junções ditem seu fluxo. É assim que, utilizando os mesmos arames, já nano revestidos, você impõe o fluxo (de plasma) entre eles. Porque você deve compreender que plasmas são entidades (magnéticas )ou mag-grav) independentes e você não pode bloquear seu fluxo sempre que for juntar dois arames. Então, quando você conectar entre si estes arames ou bobinas, que você dobrou suas pontas previamente ao nano revestimento, você verá que tudo dentro de um laço permanece enlaçado, e esta é a diferença  entre um sistema bom e um ruim. E de antemão já lhe aviso que, nestas condições, o plasma jamais “esquece” a conexão feita.
Então, caso você perca nano materiais ou as camadas tiverem explodido por causa de excesso de calor, você descobrirá que os nano materiais se replicarão lentamente naquele local, tal como uma pele que cresce para cima por sobre a matéria que, neste caso, é o cobre do arame. Trata-se de um estado de plasma funcionando acima de um estado de matéria, este último, por sua vez, tendo como base o cobre do arame.
Outra coisa importante de se lembrar é isto: se após os nano revestimentos você localizar partes não revestidas no cobre, ou seja, se perceber nas suas peças ainda alguma cor de cobre aqui e ali, isto significa que você deve voltar a passá-las por novo nano revestimento, pouco importando se for pela terceira vez, a quarta ou quinta vez. Não tenha medo de nano revestir. Nenhuma peça pode ser considerada inútil ou perdida enquanto você puder passá-la novamente por outro nano revestimento.
Eu vou te dizer uma coisa muito interessante no processo de fazer estes sistemas. Após o primeiro nano revestimento e em cada novo procedimento que fizer, você deve manter/ armazenar, em um frasco separado e tampado, aquela cáustica que sobrou no fundo da bacia depois do processo,  pois saiba que você vai necessitar destas sobras.
110
Lembre-se que esta é a mesma cáustica que, na temperatura adequada, já deu início à conexão, à camadas de revestimento. Então, tal como quando você faz uma sopa e mantem algo de seu caldo para a próxima sopa, da mesma forma você deve manter um pouco dessa cáustica para, com ela, poder emendar partes explodidas ou que estiverem sem nano revestimento de suas conexões, na etapa final quando já tiver montado o sistema inteiro e conectado todos os arames. Assim, enquanto você estiver fazendo as conexões finais entre os arames, se você olhar e encontrar lugares sem nano revestimento, você pega uma escova e escova um pouco naquele  lugar e então você faz o reparo com esta cáustica, Basta inserir ali um pouco, bem pouco, desta cáustica já usada. Esta cáustica de remendo permanecerá ali e irá construir novas camadas de nano revestimento ali. Esta é a razão porque necessita guardar a cáustica, não jogá-la fora, porque ela vai ser bem útil na hora de você fazer estes pequenos reparos nas conexões.
Então estas são as principais dicas desta aula 1.
Lembrando que se você fizer um sistema de energia e ele funcionar, faça uma doação à Fundação Keshe. Não estamos pedindo que nos pague, mas que doe 150 Euros à Fundação Keshe para que possamos fabricar e destinar uma unidade para uma nação pobre onde tem pessoas que não podem construir por si próprios suas unidades. Ou então, fabrique você mesmo uma outra unidade de energia igualzinha a sua e a doe a mesma para alguém da sua região que não possa fabricá-la.
Agora um anúncio especial: Abrimos o nosso próprio centro de pesquisa aqui (na Ítália, na cidade de Barletta, na Avenida ou Via Andria. Se você é um cientista ativo e gostaria de desenvolver novas tecnologias, a FK pode trazer você para trabalhar com a gente aqui no Centro recém-inaugurado. Nós estamos interessados em aumentar o número (de colaboradores) para até dois a três mil engenheiros em todo o mundo e então trabalharemos em conjunto com você e com o seu governo para mudar de uma forma muito rápida o curso da tecnologia em seu país. Então, se você é um engenheiro, e gostaria de desenvolver o lado “espacial” desta tecnologia, ou auxiliar na equipe de energia, na equipe da medicina, na seção de saúde, podemos apoiá-lo, lhe mostrando aqui na Itália a base desse conhecimento e, consequentemente, seja o que for que você desenvolva a partir disto, nós cuidaremos de compartilhá-lo publicamente com todos os buscadores de conhecimento do mundo inteiro.
Esta tecnologia é para o futuro da humanidade e a sobrevivência no Espaço. Como eu disse antes, o que você vê aqui é só um subproduto da tecnologia de plasma para uso no Espaço sideral. Esta tarde (aula 2), na parte do ensinamento sobre o plasma, lhe faremos entender mais sobre o que está por vir, e sobre o que é o plasma.
A cada aula abrimos um espaço para perguntas e nele você pode mostrar como anda suas montagens, tal como as bobinas que você fez hoje. Você deve filmá-las perto o suficiente para podermos ver e mostrar isso para os outros. Não as suas criações, e sim aquilo que dissemos para você fazer na aula anterior, se você tiver pronto e quiser mostrar isso para todos. E, na sequência, mostraremos dispositivos que se possa medir (o consumo e a economia reais). E no final o dispositivo pronto, que você fez, ou que recebeu, e os testes deles nas suas casas.
Quando vocês já tiverem em suas casas um dispositivo funcional e eficiente, vamos conectar um inversor a ele para fazer a conversão de corrente de CC para CA, e então iremos mostrar à você como aumentar o seu poder para cerca de 10 ou 20 kiloWatt. E então, com apoio de algum governo, nós liberaremos o projeto de sistemas de 1 MegaWatt mas isto é só para os governos, pois pessoas normais não necessitam de um MegaWatt, os governos sim. Mas só o faremos quando os governos nos pedirem para saber como fabricá-los. Uma estação de energia de 1 MegaWatt pode ser construída por menos de 1000 dólares, num projeto que somente vou liberar para governos, ao nível de departamentos governamentais, para que mudem o curso definitivo de suas produções de energia nacionais. Tal projeto não será liberado para o público em geral, já que o máximo que você necessita é de cerca de cerca de 10 kiloWatt
111
e se você já nos fez um pedido de uma unidade com doação anexada ao pedido, quando nós elevarmos o poder das unidades para 10 kiloWatt você terá acesso a um sistema de apoio onde pagará no máximo 250 Euros e terá todas as dicas de como atualizar o sistema que você já tem.
Todo doador necessita apoiar-nos neste momento, pois percebemos dia 22 (de outubro) que pessoas da Bélgica e Alemanha tem anunciado aos bancos mundiais e títulos nacionais que a Fundação Keshe anda “lavando dinheiro” a partir do tráfico de drogas. Trata-se de uma estratégia para tentar bloquear-nos. Na Alemanha estão praticamente todas as pessoas que andam criando todos estes sites de falsificação e “SCAM”. Eles ultimamente têm informado ao Banco Mundial que o dinheiro das doações e dos pedidos da FK advém de lavagem de dinheiro, ou então que estamos roubando seu dinheiro e levando-o à lavagem, ao dar unidades aos pobres. Gente da Antuérpia tem tentado forçar o Banco Mundial a fechar a nossa conta, afirmando que o dinheiro de vocês é dinheiro proveniente de cartel de droga. Portanto, pedimos que ao doar ou fazer pedido, você informe, e de forma responsável, ao Banco Mundial (na seção comentários) que o seu dinheiro é dinheiro limpo e não sujo. Estivemos cientes de que um possível dinheiro de droga chegou à Fundação Keshe mas neste caso nós identificamos e informamos imediatamente o governo italiano que entrou em contato com o governo chinês que conferiu e constatou que não era. Foi alarme falso. Estamos limpos, portanto. Mas pedimos que coloque este tipo de informação de sua própria responsabilidade na seção de comentários, toda vez que fizer uma doação substancial ou fizer um pedido de muitas unidades. Assim, nós estamos informando e orientando-lhes sobre o que está acontecendo, para que você perceba que os terroristas belgas ainda estão trabalhando contra nós.
Perguntas?
PERGUNTA: A respeito da qualidade do cobre, a espessura do cobre. os diâmetros das duas bobinas, e, durante o enrolamento das bobinas.
RESPOSTA: Se quiser usar nossas medições e dimensionamentos, o que temos usado ao fazer a bobina externa, de maior diâmetro (magnética), é usar uma barra de 12 mm. E para fazer a bobina interna, de menor diâmetro (gravitacional), é usar uma barra de pouco menos do que 5,6 mm. Porque a menor tem de deslizar por dentro da maior,
103
e para isso é necessário um certo desfasamento, uma lacuna entre os dois, quando você for deslizar.
112
Por isso o tamanho (diâmetro das barras, e consequentemente das bobinas) tem de ser adequado, o suficiente para ser capaz de criar uma continuidade no fluxo do plasma. [Keshe faz um movimento espiral com seu dedo.] Este é o motivo pelo qual usamos bobinas em formato espiral.
PERGUNTA: Sobre o encaixe  do arame mais longo por dentro da bobina interna, ou gravitacional. [já visualmente demonstrado].
RESPOSTA: Para isso, uma extremidade o arame da bobina deve ser mais comprido que a outra. É para fazer somente com a bobina interior, não a exterior pois na exterior não é necessário fazer. O movimento de mãos é tal coo mostrado na animação.
92
(Nota do E.: o sentido de construção das bobinas está errado, e esta animação serve apenas como dica de encaixes)
No final, fica muito parecido com a forma como é por dentro de um reator Tokamak, você sabe, aquele reator nuclear. Como se fosse um sistema Tokamak de bobina dupla, só que desta vez as forças advém do próprio plasma.
Temos no MP a compreensão de como o conhecimento total adquirido pela humanidade no que diz respeito a energia pode ser reunido em um sistema muito simples. Mas, para desenvolver esta tecnologia de tal forma que cada ser humano deste planeta fosse capaz de replicá-la, isto me tomou 40 anos de minha vida. Cada correção, cada passo, cada desenvolvimento, levou muito tempo.
E mais para o final das lições vamos mostrar-lhe como ligar este sistema diretamente no seu automóvel, para que você entenda como fazer para começar a poupar a energia do seu combustível. Você até agora nunca economizou a energia do combustível que usa. Você está acostumado a usar combustível, seja qual for, petróleo, diesel, E logo vai ter um motor elétrico que você chamará de veículo hibrido. Mas, desta vez, há um outro combustível a ser utilizado, que é o plasma, a “terceira ponte”.
113
Quando se usa plasma, você traz a energia extra do plasma para seu tanque de combustível, para funcionar junto com seu combustível. Não só está economizando dinheiro, mas estará economizando a própria energia do combustível. E com os carros elétricos chamados híbridos você vai fazer a mesma coisa, adicionar uma terceira energia, que é a energia primária do universo, o plasma.
Todas as energias que tivemos até agora – do diesel, da gasolina, da hidroelétrica, do carvão, etc. – estas são todas energias dependentes da terra. Mas, pela primeira vez, vamos ter aceso à energia proveniente do universo, do plasma, porque o universo funciona em plasma e as estruturas universais são todas plasmáticas (e gravitacionais). Somente agora, que você está aprendendo a usar a energia que você conseguiu separar a partir da estrutura do cobre. Aos poucos você vai ir entendendo, pois agora para muitos isto parece bem estranho. Mas isto é apenas o começo da maior revolução na evolução industrial do homem neste planeta. O entendimento de plasma é o futuro da humanidade, e estas novas fontes de energia, que nenhum governo pode controlar, ninguém pode vendê-la para você, ninguém pode desligar você dela para impedi-lo de obtê-la.
Se você estiver na África você pode usar as raízes das plantas para produzir nano materiais. Se você estiver no Pólo Norte, você pode usar até mesmo a pele dos animais que você come para produzir nano materiais e deles produzir energia. Não se esqueça, o cobre é um estado da matéria e o resto dos materiais também são, mas todos eles são, internamente, plasma. Você vai poder usar materiais naturais, como as raízes e os ramos das árvores, pois eles já trabalham na dimensão do “Gans como um plasma livre”. Com elas (ou será com os Gans?) você não necessita passá-las pelo nano revestimento, basta tão somente entender como utilizar esse plasma . É assim que as nações de terceiro mundo que não tiverem cobre, arames de cobre, vão poder produzir também o mesmo tipo de energia.
Falemos agora um pouco sobre isolantes: a nível de matéria, os nano materiais são os melhores isolantes que o ser humano já conheceu. Quando nós testamos o nano material na Universidade de Gent (usou eletrodos revestidos com grafeno), e isto foi confirmado pelo Centro Nuclear, da Bélgica, nós nem sabíamos disso ainda. Mas descobrimos que eles são melhores isolantes que o próprio diamante, 20 MegaOhm de isolamento, e você não pode esperar isto de qualquer isolamento por diamante.
114
Entretanto, num MP, você depende da interação entre os campos magnéticos e gravitacionais (mag-grav).
115
Até hoje a espécie humana não tem encontrado qualquer material capaz de isolar campos mag-grav, e tais campos fluem naturalmente entre os nano materiais, e, como foi dito, não há qualquer isolamento atualmente que seja capaz de isolar estes campos.
116
Se você sobrecarregar seus sistemas (aplicar uma potência maior do que ele é capaz de suportar), o que você está encaminhando para ver é um curto-circuito no nível de matéria e logo este se manifestará nos fios de cobre (e o consequente desmantelamento das camadas de nano materiais em algum lugar do sistema). Mas em seguida você vai descobrir que os nano materiais daquele local vão se reconstruindo lentamente e depois de algumas horas estará tudo reconstruído de novo e você vai poder usar seu sistema novamente. Assim, não há possibilidade de dano por curto-circuito.
Como eu disse antes (?), a única forma de curto-circuito (?advém quando os nano materiais entram em contato com o fio da rede (que ainda funcionam ao nível de matéria), quando os campos serpenteiam em torno dele (fio) a partir da rede para o MP, ou no sentido contrário quando você conecta seu MP à rede e ele (campo) vai (serpentear) para a sua rede. [isto não teve, num primeiro momento, maiores explicações por parte de Keshe. Veja a ilustração.]
117
PERGUNTA:  Qual é a importância dos espaçamentos entre cada fiação?
RESPOSTA:  O espaçamento entre os enrolamentos não é tão crucial, mas é importante que não haja lacuna (folga) entre as voltas das bobinas,
118
de modo que o arame fique totalmente nano revestido. Se ficar colado um ao outro,
119
quando você “queima” (método de nano revestir por fogo?)  então você obtém um revestimento homogêneo, mas com a cáustica, se a “interface” não ficar totalmente nano revestida então você terá um problema para  resolver.
Há um processo em teste, o qual desenvolvemos para este sistema: trata-se de uma combinação, ao mesmo tempo, de 3 ou 4 formas distintas de nano revestir materiais, Isso é o que vamos fazer agora lá na fábrica: São usados 3 ou 4 diferentes modos de garantir nano revestimento máximo dos materiais. Então, neste caso, nós abrimos um pouco (só um pouquinho) a bobina para garantir o espaçamento. (Isto é um processo de fábrica).
Mas você não necessita fazer isso, não precisa  abrir, mas deve deixar compacto de modo a permitir que ambas as forças de campos mag-grav tenham fluxo livre de forças uma em relação a outra [Keshe, para ilustrar, faz um movimento rotativo constante em espiral usando juntos um dedo de cada mão]. Nas aulas finais falaremos mais sobre isso.
PERGUNTA: Quais as vantagens ou desvantagens de se usar um diâmetro maior ou menor do que 1.6 mm? É obrigatório usar o arame de 1.6 mm?
RESPOSTA: Tudo se resume ao ENTENDIMENTO  do campo magnético e gravitacional (mag-grav). Quando você usa um arame mais fino, você transforma seu sistema em uma resistência no estado de matéria e então ele vai esquentar, porque você só gera calor quando você trabalha uma interação no estado de matéria, certo? [Keshe então aponta para a estrutura do cobre como sendo uma estrutura de matéria]. Então, por esta razão, quando usar um arame mais fino seu sistema não poderá produzir energia (plasmática) suficiente para colocar pressão sobre as nano camadas.
120
Não acontece porque neste caso a pressão advém do lado de matéria, ou seja, do próprio cobre (e o aquecimento será uma consequência).
121
Em nossos futuros sistemas (questão de meses, talvez 1 ano) , nós “extrairemos o cobre”, o que significa que o sistema será totalmente menos material (e mais plasmático), onde fazemos uma tecnologia capaz de extrair o cobre, então com ele faremos as bobinas e, nestas condições, não há possibilidade do estado de matéria “queimar”. Eu já tentei explicar isto antes, como é feito, mas a maioria não conseguiu entender. Tem a ver com as nano partículas de cobre que são “extraídas” para fora do cobre em estado de matéria, as quais já lhes disse antes que acabam compondo as camadas supercondutoras de nano materiais.
122
Nesse novo sistema de “extração”, tudo o que resta são nano tubos no meio, (onde antes deveria ser cobre?) e então você não tem mais a “fase” em CA (corrente alternada).
Mas, no momento, devido ao método desenvolvido atualmente, o sistema leva a assinatura do cobre em seu interior, (então temos que trabalhar com espessuras exatas) e todo o seu sistema funciona em CA (e por isto necessita da fase da rede) e é por esta razão que necessitamos manter o cobre (estado de matéria) no meio, isto é, do lado de dentro.
Já falamos sobre isso (a atual dependência da Fase CA que vem da concessionária). Não é nem problema de desenvolvimento da tecnologia mas sim uma questão de acomodação (usar o que já existe). Talvez em 2 a 3 anos, depois que um monte de gente usar bastante todos estes sistemas. Assim, objetivamente falando, o que você pode fazer, em termos de momento atual, é  ter um MP padrão em sua casa, ou seja, com 3 andares de bobinas e coberto por uma embalagem ou caixa.
123
Mantenha-o até chegar o momento de não vai precisar mais dele, porque  uma vez que você tenha nano revestimento completo das fiações e defina o sistema a partir de fora  [imagino que seja, por exemplo, uma unidade de 1 MegaWatt do governo), você vai poder simplesmente jogar seu MP de energia no lixo. Você apenas depende dele agora porque existe toda a fiação da casa e você está querendo aproveitá-la porque já existe, e esta fiação está prestes a funcionar como uma fonte residencial de alimentação de energia para você.  Falamos sobre isto anteriormente. Por esta razão, quando você enrola as bobinas, você tem tudo isto em jogo,
Por razões como estas é que pode acontecer de se você conectar no seu MP um carregador do tipo peso pesado, como o de uma bateria de carro ou de uma parafusadeira manual,  há quase 100% de certeza que você vai queimar o seu carregador. Portanto, não use/ conecte  na saída destes sistemas quaisquer dispositivos que contenham carregadores potentes (de bateria de automóvel. ou de parafusadeira) , especialmente na fase quando você estiver inicializando-os, porque isto pode fazer “queimar” o sistema.  Não faça isto até que o nano revestimento total da fiação de sua residência esteja completo.  Então, após algumas semanas você pode até tentar isto,.
Uma coisa interessante que eu andei explicando poucos dias atrás é que,  quando se trata do MP para o seu automóvel, no final das contas você terá o seu carro inteiro nano revestido. Quando isto acontecer você vai perceber que a ferrugem da lataria desapareceu completamente, porque todo o seu carro ficou revestido de nano materiais. Esta será uma das formas de você entender como fazer para proteger seu carro da ferrugem.
Este é o tipo de coisa que todos nós temos aprendido em conjunto. Esta é uma das coisas que lhe peço: desafie aqueles que querem parar o processo de que você obtenha liberdade plena em termos de energia, alimentos, etc. Como? Faça como nós estamos fazendo e compartilhe suas descobertas, seja com a Fundação, seja com todos ao seu redor, seja com o mundo inteiro através da internet. Tudo o que você aprender que é possível fazer (com a tecnologia) compartilhe conosco da mesma forma que nós compartilhamos com você.
Saibam todos que eu poderia ter trocado tudo isso por ótimas férias nos melhores lugares do planeta, para o meu próprio bem, mas estou doando tudo isto para vocês, para que usufruam desta liberdade a fim de nos ajudarem naquilo que pretendemos para a paz mundial, pois quando todos nós tivermos toda energia livre, e todos ao mesmo tempo, não haverá necessidade de guerras. Então, se todos nós pudermos fabricar muitos desses dispositivos em nosso tempo livre, e se jogássemos alguns no mar, por exemplo, nós estaríamos alimentando os peixes de plasma e eles não necessitarão mais comerem-se uns aos outros. Você pode fazer o mesmo também com as plantas.
.
Outra coisa que se pode fazer é tal como uma experiência que fizemos: pegue uma única placa de cobre (com nano revestimento) não maior do que isto.
Coloque-a dentro de um saco plástico e deixe dependurado dentro de uma piscina. Se o fizer, verá o mesmo que nós vimos: sequer uma só alga crescerá na sua piscina. A água da piscina continua totalmente limpa de limo e de algas. Você sabe como é isto de limpar piscinas.  Eu conheço um monte de gente que resvalou na piscina de forma estúpida tentando limpar essa coisa. Agora, eu posso me certificar de que eu nunca vou necessitar limpar isso, nem gastar pano algum com isso. Basta apenas um pequeno pedaço nano revestido e já para de criar algas ou limo, em um volume de cerca de 50-60 mil metros cúbicos de água. Assim, com o tempo vamos lhe ensinando mais coisas que se pode fazer. Pode-se, por exemplo, descontaminar águas tão somente soltando o material no interior dela e deixando lá, agindo.
Nos próximos dias, depois que as unidades de potência estiverem já sendo vendidas, vamos preparar o lançamento das unidades para o crescimento dos ligamentos e dos dedos das mãos e pés, que nos próximos 32 dias serão liberados para os hospitais – pelo menos os da Itália e para a Europa. Então os médicos poderão utilizar o sistema deixando-o na frente de um dedo do pé ou da mão, no ponto de amputação, de modo a garantir o crescimento dos mesmos novamente, de forma lenta. Estas são coisas que virão em breve.
E vai haver. em seguida, mais semanas como esta, do tipo “blueprint”, dedicadas a  outros assuntos, outras tecnologias. É assim que ensinaremos a humanidade. Estes vídeos ficarão disponíveis nos websites ao redor do planeta por meses, por anos, tal como o vídeo da terceira reunião com embaixadores que foi assistido por centenas de milhares de pessoas ao redor do mundo nestes últimos 10 dias. Com a divulgação dessa tecnologia, deste ensinamento, pessoas que queriam começar fábricas de produtos da tecnologia, agora eles vão começar seus planejamentos, e nós os encorajaremos a produzirem, juntos, um milhão de unidades por mês. Logo teremos de avançar para uma produção de 3 milhões de unidades, e isto requer um investimento enorme. Mas isto tão somente na Itália, certo? No resto do mundo:nós necessitamos implantar mais de um milhão de fábricas até que comecem a produzir. Qualquer um de vocês que esteja assistindo estas aulas e prestando atenção, você pode produzir um punhado de dispositivos.
Necessitamos fazer isto em conjunto, como uma civilização humana, para começar a libertar à todos dos grilhões da energia, porém sem ir contra os nossos governos, mas, isto sim, trabalhando em parceria com nossos governos para que eles garantam que estamos fazendo tudo certo, e nos certifiquem. Agir assim até conseguirmos provar aos nossos governos que, trabalhando conosco, eles não necessitam desperdiçar o dinheiro que é de todos. Porque, assim que você puder alimentar-se, cuidar de si próprio e, numa liberdade de conduta correta, produzir e usar sua própria energia, o governo não vai necessitar investir mais neste setor.
Queremos chegar a um milhão de unidades para os italianos em breve. Mas ainda assim não estaremos satisfeitos. Necessitamos que sejam construídas pelo menos um quatrilhão de unidades e, como meta para muito em breve, cerca de 42 bilhões de unidades, se contarmos também os MPs específicos para automóveis. Depois vem a tecnologia que está vindo, para as unidades de uso no Espaço sideral.
Nenhum de nós pode suportar uma tão grande evolução na ciência. São muitas as possibilidades.
Necessitamos de pelo menos 30 a 50 empresas, só na Itália, para poderem atender a demanda desta única nação. Então, percebam que estamos convidando você, todos vocês, numa estimativa de que um milhão de pessoas construam o seu sistema em casa. Sabemos da dificuldade que as donas de casa, que os mais jovens e principalmente os mais velhos, que são os que mais necessitam de aquecimento em suas residências no inverno, têm em construir estas unidades, as vezes por falta de tempo, força física ou de conhecimento mesmo. Mas todos os que podem fazê-lo, que podem construir, sintam-se responsáveis pela conectividade de todos nós, de modo a podermos produzir tantas unidades quantas forem possíveis, e o mais rápido que pudermos, pois a tecnologia (metodologia) é gratuita.
Nós nos estruturamos para uma produção em escala. Enquanto você nos paga 800 Euros por uma unidade, nós lhe fornecemos a sua unidade, e ainda construiremos mais 3, totalizando 4, pois nos custa cerca de 200 Euros cada uma.
124
No cálculo dos 200 Euros está incluído cobre, caixa, bandejas, fiação, conectores, embalagem, manual, etc. E estaremos retornando ao público mais necessitado, nos próximos meses, as unidades gratuitas.
Estimamos uma necessidade de pelo menos mil fábricas nos próximos 5 a 10 anos, com cada uma empregando algo em torno de 3000 pessoas a fim de atender apenas a demanda da Itália. Trata-se de enormes empreendimentos. Se você entender que já temos a unidade de energia e está para vir: em breve as unidades para os automóveis, a unidade médica, a unidade de alimentos, mesmo que ficássemos só nestas quatro, para suprir 25 milhões de lares italianos, já necessita ser fabricado cem milhões de unidades no mínimo. Trata-se de um empreendimento enorme só aqui na Itália. Se fizéssemos um milhão de unidades por mês levaria quase 10 anos. E tem ainda todo o resto que virá com a expansão da tecnologia. A conclusão é que necessitamos de pelo menos 100 fábricas só aqui na Itália já nos próximos 12 meses. E expanda estes cálculos para a China, a Índia, e o resto do mundo e terá uma ideia da enorme oportunidade de empregos que está surgindo.
Fora isto, tem também um cientista que diz que, com todas estas descobertas de supercondutores e Gans, há ainda um novo nicho em computadores tridimensionais que não usam nenhum tipo de fiação. Portanto, isto é só o começo de uma revolução, mas o que mostramos hoje serve para as pessoas entenderem o quanto é simples, e não fica na mão de uns poucos mas é público para todos saberem, aprender e construir. Portanto, não podemos nem imaginar as transformações que virão nos próximos 4 ou 5 anos. Você pode esperar a criaçaõ de sistemas Gans para computadores que funcionam tão rápido quanto a velocidade do seu cérebro.
Também estamos ensinando nossos alunos ao redor do mundo (nos cursos online) como eles podem criar plasma sem necessidade de qualquer material físico. Mas antes é necessário entender o que está acontecendo para que a criação se dê, o que se necessita fazer, como esse plasma é criado e como será utilizado.
Na parte da tarde só falaremos sobre plasma, o trabalho do universo. Porque se você souber como utilizá-lo, você pode produzir alimentos, produzir qualquer material, em qualquer lugar do planeta, bem como qualquer medicamento de que necessite. Ontem a noite eu e Carolina contatamos por Skype alguém que de tanto fazer experiências em Gans conseguiu produzir ouro. Porque você pode mistutar e misturando criar a condição certa para sua produção. Deixe-me aumentar o seu apetite mental (curiosidade) com algumas pequenas dicas muito simples. Isso lhe dará um monte de coisa para pensar.
Temos o Sol. O Sol irradia sua luz para todo o sistema solar, planetas e tudo o mais, e ele o faz incondicionalmente da mesma forma que é com o amor de Deus. Então, se a interação mag-grav com o planeta Terra ocorre nesta posição, isto leva à produção de Nitrogênio neste ponto. Mas se a irradiação vai mais longe, o mesmo campo mag-grav, por estar mais fraco devido a distância em que se dá a interação, vai produzir o Hélio em outra esfera.
125
Mas é o mesmo raio, a mesma irradiação. Só depende de onde e com qual intensidade esta irradiaçaõ interage com outro plasma (representado aqui pelas esferas). Se você compreender bem isto, então você pode produzir um plasma aqui neste ponto (mais perto do Sol), onde a irradiação e a interação são mais fortes. O quê você gostaria que aqui se produzisse? Ouro ou Plutônio?
126
É por isso que digo que agora a produção de materiais só depende do ser humano, e não é mais nenhum acidente da natureza. Agora são vocês quem decidem quando e o que querem produzir. É basicamente isto que a FK está ensinando através de sua Tecnologia Espacial. A partir de agora você é quem decide. Quer permanecer na Terra? quer estar em algum outro lugar do universo? quer roubar o ouro de todos os bancos? ou quer dar ouro livremente para as pessoas, já que basta saber como e você pode produzir tanto ouro quanto desejar. Pois foi o que vimos pelo Skype, um homem doente, quase morrendo, que de tanto buscar formas de recuperar sua saúde mexendo com vários tipos de Gans, produziu ouro e nos mostrou isso. E muitos aqui desta sala sabem quem é essa pessoa.
Eu sei que tem muita gente que está seguindo estes ensinamentos talvez pensando em se tornar milionários, mas entenda que quando você se tornar milionário vai descobrir uma coisa muito certa: isto não terá valor algum mais neste planeta, porque a revolução do plasma alcançará à todos. E, além do mais, não vai demorar muito e todos estaremos viajando pelo Espaço Sideral e lá fora você não vai poder vender dólar para ninguém, porque os extraterrestres não sabem nem mesmo o que é dólar. Você também não vai poder vender ouro para o planeta Zeus porque lá em Zeus existem materiais muito superiores ao ouro e o ouro não terá valor algum por lá.
Muito obrigado por seu tempo e, logo, na aula 2, falaremos quase tão somente sobre plasma e seu funcionamento, porque o público tem que entender o que é o plasma. E para o avanço nas construções da sua unidade de energia, continuaremos a falar na aula 3 deste Blueprint. Até lá vá fazendo suas bobinas, nano revestindo-as, etc. O caminho prático é sempre o mais compensador.
FIM DA AULA 1

AVANÇAR À PARTE 1 DA AULA 2

RETORNAR À PARTE 3 DA AULA 1

 

Mehran Keshe Foundation KFSSI applications aplicações