Aula 1 – parte 3

AVANÇAR À PARTE 4 DA AULA 1

RETORNAR À PARTE 2 DA AULA 1

ESTA É A PARTE 3 DA AULA 1:

(postada em 21 de dezembro)

 

00b professor M.T.Keshe

TEMA PRINCIPAL

NANO REVESTIMENTO

Mas antes perceba algo importante: o MP (Magrav Power) tem conexão de entrada e conexões de saídas, porém no futuros uma caixa destas funcionará como uma unidade central para outras caixas acopladas à elas (fazendo comparação com um Sol e seus satélites) e se descobrirá não haver necessidade de qualquer tipo de conexão, com você dispondo de energia do sistema quanto necessitar, e sem fios. Para comercializar tal modalidade vai necessitar mais um pouco de tempo, mas nós já conseguimos isso e quando já estiver disponível você vai poder colocar o MP no centro da casa ou em qualquer lugar que desejar, conectar qualquer coisa nele e funcionará sem conexão elétrica alguma.
REPRESENTAÇÃO DE UM SISTEMA OÁSIS:
oasis
Será uma das opções ter um MP de refrigeração ou aquecimento, que vai permitir colocar a temperatura ambiente a 20 graus no verão ou a 30 graus para você se sentir confortável no inverno. Para você ter uma água quente um MP para fervê-la. Nós já vimos isto nos testes. Você toca no material e ele está frio, mas em sua mão você sente a temperatura capaz de ferver. Razão porque importa liberar esta tecnologia (OÁSIS) em módulos como unidades energéticas magnético-gravitacionais.
A partir de amanhã já começaremos a liberar as entregas de MP das encomendas para a Europa inteira, e com Certificado de Permissão de Uso Europeu saindo em início de novembro, e o de Uso Norte-Americano saindo no final de novembro, e quando tivermos normativas a escala mundial divulgaremos isso. Pedimos, entretanto, que não esperem pelas MPs de encomenda, mas produzam suas próprias unidades, e fazer tantas quantas você puder, e demonstrar como se deve usá-las, pois é importante demonstrar também.
Outra coisa importante é que no momento que as demonstrações desta tecnologia (funcionais) vierem, os governos não mais vão poder nos bloquear, bloquear a tecnologia. Porque muito mais virá. Cada vez que lançarmos outra “caixa azul” teremos workshops só para explicar como ela funciona, para você entender como funciona. Porque à atual MP de energia elétrica, logo em seguida você poderá adicionar ao lado dela uma unidade de alimentação, e então uma unidade de saúde, e então um outro sistema capaz de replicar em produção qualquer material que você insira nele, e outra de produção de água, etc. Assim, na sequência, essas MPs vão lhe dar tudo que você necessite. Quero que vocês entendam uma coisa: isso é possível porque nós compreendemos como fazer isso e lhes mostraremos como fazer. Para isto basta você fazer um Sol (um plasma central) e já é o suficiente, pois no Cosmo os raios do Sol vão para todos os planetas, percorrem através do sistema solar e vão se convertendo incondicionalmente naquilo que eles precisam se converter a cada momento.
Então na sequência você vai ter estes MPs, ajustados para distintas funções. Dependendo do que você queira que eles façam: energia, alimentos, remédios, etc. E eu chamarei estas unidades acopladas à MP principal de Vênus, de Terra, de Saturno, etc. Porque estando em posição distinta no espaço, se criará nelas materiais distintos.
77
Já temos o conhecimento, a compreensão e a capacidade de fazer isto a nível de conversões simples. É como eu disse quando abri este projeto. A intenção é ensinar-lhe tudo passo a passo.
Na data de hoje ensinaremos você a fazer o primeiro desafio, a primeira etapa, o nano revestimento com nano material. Vocês têm o fio de cobre. Para este sistema (MP de energia) é necessário que sua espessura seja de 1.6 milímetro, também chamado de calibre 14.
78
Tal espessura é considerada ser de intensidade ótima para unidades residenciais. Mas se por algum motivo você não pode dispôr de arames rígidos nesta espessura, isto só significa que você terá um sistema menos poderoso, mas você ainda assim pode produzir o mesmo sistema. O arame de 1.6 mm rígido é suficientemente poderoso para suportar temperaturas de alta resistência. E é fácil de manipular e de trabalhar com eles, porque são facilmente dobráveis.
Mas você necessita entender o trabalho que o plasma faz e cuidar de construir o contínuo fluxo de plasma através do seu sistema. Se você lida com plasma, é assim que o plasma se parece. Também o Gans, tais como estes materiais verdes e outros que você vai fazendo, (aqui chamados de “plasmas livres”) eles se parecem da mesma forma:
79
Em ambos os casos, eles apresentam sua parte magnética, com fluxo do polo norte ao polo sul, portanto (as bobinas, os Gans) exigindo que você faça conexão do polo norte ao polo sul deles.
80
Simultaneamente, devido ao ciclo de vai e vem, o polo norte vai ser parcialmente realimentado de volta.
81
Observe, pois, nesta estrutura, que o enrolamento de um único arame não seria capaz de lhe fornecer um tal efeito. Portanto, quanto mais próximo você puder manter esses plasmas (aqui se referindo a o conjunto de bobinas, mas vale para Gans também) em uma condição de “plasmas livres”, melhor será, de modo que eles se comportem como um polo norte e um polo sul com o que está ao seu redor (dando assim continuidade ao fluxo dos seus plasmas): vai para o sul, vai para o norte, vai para o sul, vai para o norte, norte para sul, sul para norte.
82
E fica a pergunta: onde é que conseguimos nos aproximar mais deste formato de modo que nós possamos condicionar continuamente um plasma para que funcione desta maneira? – É em um conjunto de bobinas interseccionadas (Nota do E.: é usado no original a palavra “spring”, entretanto o inglês a traduz apenas como mola”). Se você observar um conjunto (de 2 bobinas de mesmo comprimento), verá que chega perto o suficiente desta forma que você está procurando.
83
Há uma bobina que fará com que o plasma vá do norte para o sul, e há outra bobina (lado de dentro) que fará com que o plasma vá do sul para o norte. Assim, foi pensando deste modo que descobrimos o método para podermos replicar não apenas o plasma, mas também o fluxo da corrente deste plasma.
84
Então foi assim que demos mais este passo de avanço em nossos experimentos. Porque se nós colocássemos bobina magnética junto com magnética (polo norte com polo norte, ou polo sul com polo sul = repulsão), ou bobina gravitacional junto com gravitacional (polo norte com polo sul = atração), então uma peça estaria faltando neste jogo, pois o comportamento deste conjunto seria apenas magnético e não teria a contraparte gravitacional, ou então seria apenas gravitacional sem a contraparte magnética. Então, descobrimos que era muito fácil resolver a questão: bastava deixarmos que uma bobina do conjunto atuasse como a magnética e colocarmos outra bobina dentro dela (encaixe interseccionado) a qual se comportará como o aspecto gravitacional,
85
pois deste modo o fluxo de plasma passando pela bobina magnética vai se propagar com uma maior abertura e o fluxo passando pela bobina gravitacional fluirá de forma mais apertada.
86
Esta é a razão pela qual resolvemos colocar a atração gravitacional no lado de dentro e a repulsão / propagação magnética do lado de fora. Como resultado, se obterá um aumento, uma intensificação dos dois campos e também mag-grav, isto é, ambos funcionando juntos (tal como é no planeta Terra).
87
Como desta maneira nós já conseguimos conectar o fluxo que vem do norte com o fluxo que vem do sul, esta etapa do trabalho está decidida, então como próximo passo é necessário encontrar uma forma de ditar como fazer para manipular a energia elétrica que circulará por este conjunto de bobinas. E como se faz isto é o que veremos em seguida, na Aula 2.
E logo que você puder aprontar suas molas, seus conjuntos, (porque este é o primeiro dia que estamos dizendo à vocês que devem construí-las), seus conjuntos de bobinas ficando prontos até amanhã, então amanhã daremos o próximo passo da interação entre estas conexões.
Portanto, o que você deve fazer agora é preparar dois conjuntos de bobinas, um mais comprido e outro mais curto, totalizando quatro bobinas. Estes dois conjuntos formam um andar da torre de três andares.  De certo modo, conforme vou mostrá-lo mais tarde, você (com estes ‘dois conjuntos’) vai estar como que inserindo um plasma dentro de um outro plasma.

um conjunto de bobinas

(NOTA do E.: consideramos o sentido horário como o sentido da direção da energia. Já o enrolamento com uma parafusadeira é feito rodando-a no sentido anti-horário. O importante é o resultado final ser visualmente semelhante à figura acima.)
Ou seja, se chamarmos este conjunto de bobinas, que é de maior diâmetro e comprimento das espiras, de um plasma magnético, então logo em seguida ajustaremos no seu espaço vazio central o conjunto de bobinas de menor diâmetro e tamanho, que denominamos de plasma gravitacional, e juntando estes dois (num andar de torre), temos a ambos os plasmas em um circuito. Assim, no mesmo sistema, um (o gravitacional) poderá absorver energia e o outro (o magnético e maior) pode liberar a energia absorvida.
Eu já havia dito antes para alguns, em nossos ensaios e testes, que nós descobrimos que o arame rígido de cobre de 1.6 mm (calibre 14) é o melhor para ser usado na produção de energia elétrica.
Assim, com simplicidade, você deve adquirir um rolo de arame dessa espessura 1.6 mm e dois cilindros compridos, um de maior espessura (10 mm) e outro de uma espessura menor (5 ou 6 mm),
89
e nestes cilindros você deve enrolar arame a fim de construir as suas bobinas, porém sendo 2 com uma quantidade menor de voltas ou espiras, e outras 2 com uma quantidade maior de voltas ou espiras.
Assim, se você fizer manualmente, que é outra forma de fazer, você tem que segurar o arame de cobre deslizando por sua mão esquerda na direção do cilindro, e girar o cilindro no sentido anti-horário passando o cobre por baixo do cilindro. Já o uso de uma parafusadeira vai depender da metodologia usada, mas, para não errar o sentido da construção, o resultado final deverá ser sempre o da figura acima, para cada conjunto de bobinas, conforme o número de espiras do conjunto.
O número de voltas depende se é uma bobina para o conjunto “magnético” ou “gravitacional” do sistema. No final, você obtém bobinas em forma de mola. Então nós descobrimos que você necessita fazer duas molas de 81 voltas e em cilindros de diâmetros diferentes, e este será para o plasma “gravitacional” (conjunto mais interno) e duas outras molas de 162 (alguns criam só 144) voltas para o plasma “magnético” (conjunto mais periférico).
Ao terminar de enrolar cada bobina faça uma pequena dobrinha no arame (um arco fechado) e certifique que vai sobrar para ambos os lados de cada bobina uma boa quantidade. de arame [para aplicações industriais é ideal saber os tamanhos exatos de até 1,5 o comprimento da bobina pronta. Então finalmente corte o arame. Como esta folga de arame tem de ser dos dois lados da bobina, isto exige deixar uma folga de arame deste tamanho antes mesmo de se começar o enrolamento da bobina, no cilindro de diâmetro apropriado. E na bobina de menor diâmetro de cada conjunto o tamanho tem de ser de pouco mais de 200¨% (isto é, 2.0) o comprimento da bobina em um de seus lados.  
Então, com as molas de mesmo numero de voltas e diâmetros diferentes já prontas, você deve inserir a menor dentro da maior tal como quando um parafuso encaixa numa porca,  porém devem ficar de modo que não toquem uma na outra, ficando uma pequena lacuna / espaço entre as duas, o qual deve ser suficiente para a bobina menor passar por ela com facilidade.
Você vai ter que replicar todo esse processo três vezes, porque com um “andar” apenas o seu reator não vai ser poderoso o suficiente para atender as demandas de energia. Então o que você tem é que fazer os 3 conjuntos de bobinas (isto é, 6 bobinas) de 81 voltas  e 3 conjuntos de bobinas (ouras 6) de 144 ou 162 voltas, para que mais para o final você possa montar a torre com os três andares.
91
Agora pegue o arame que corresponde a bobina mais estreita (gravitacional) de cada um dos 6 conjuntos (com bobinas de comprimento igual)  e, um por vez, faça passar o arame mais longo de um dos lados por dentro da bobina de diâmetro maior e mesmo tamanho), conforme mostrado na animação abaixo:
92
(NOTA do E.: baseie-se nesta animação para aprender a forma de trabalhar, mas não repare no sentido anti-horário das bobinas construídas, pois ele está errado neste exemplo).
A mesma coisa mas de acordo com o desenho de Keshe:
90
Separe também 3 arames de cobre do tamanho de 1,3 o tamanho dos conjunto do conjunto de 81 voltas e 3 arames do tamanho de 1.3 o tamanho do cojunto de 144 ou 62 voltas, que servirão depois para fazer os capacitores de plasma.
Se você puder fazer isso, você terá em mãos a base para o seu Magrav Power (M.P.).
O maior problema, a maior despesa de vocês será os custos do cobre, porque, dependendo da pureza (Há nos esquemas a indicação de só usar cobre puro, que é meio avermelhado), e conforme a quantidade que vem no rolo, os preços variam muito. Em qualquer país, este sempre será o principal custo de produção.
NANO REVESTIMENTO
Agora necessitamos passar estes seis conjuntos pelo processo de nano revestimento, para liberação de seus nano materiais sobre a superfície dos cobres. Há muitos vídeos em todo lugar da internet a partir de pessoas diferentes, apoiadores da FK ao redor do mundo, e fazendo de diversas maneiras. Em primeiro lugar escolha com qual método você deseja criar o nano revestimento, a forma como pretende revesti-lo.
Então faça os processos de nano revestimento algumas vezes para engrossar as camadas, porque o processo de nano revestimento é sempre em várias camadas, portanto tem de ser feito algumas vezes com os mesmos conjuntos de bobinas.
Você tem que tornar seus conjuntos de bobinas nano revestidos, de modo a que se tornem bem pretos, o que indica que estão totalmente nano recobertos.
Para fazer nano revestimento, fazer nano material, use a técnica que chamamos de energia solar cáustica. Use a soda cáustica, cujo nome químico é NaOH.
93
Se você não sabe o que é NaOH eu lhe explico: quando você tem um vaso sanitário bem indecente, ou uma chapa ou grade de churrasco para limpar, compra-se soda cáustica para desobstruir, limpar a chapa ou grade.
94
Assim, você deve colocar uma quantidade bem pequena de soda cáustica na parte inferior de uma bacia, e então você PENDURA seus conjuntos de bobinas
95
Insira  cada conjunto  separadamente, um por vez.
de forma que eles não encostem no fundo, mas fiquem pendurados, livres no ambiente, de modo que quando você colocar água fervente na bacia se crie um vapor que preencha o ambiente da bacia até que os conjuntos de bobinas sejam recobertos com nano revestimento.
Tenha o cuidado com seus pulmões, suas mãos e seu rosto para não ficarem expostos ao vapor da cáustica, e também para não se queimar. Cuidado pois você estará lidando com água fervente. E cuidado com o vapor da cáustica.
Este ensinamento que estamos lhe dando sobre a criação de nano materiais traz arrepios à certas nações produtoras, que os vendem muito caro, mas agora eles sabem que não há nenhuma forma de parar isso, de impedir você de estar ter energia limpa, estar livre de contas energéticas. Este compartilhamento livre que fazemos com vocês é um pesadelo para nações produtoras de petróleo e empresas de energia de diversos países produtores, pois tornará o ser humano livre destas energias que eles fornecem.
Nossa intenção é mostrar-lhe como você pode aproveitar a energia da rede elétrica instalada – pois fornecerá também a frequência de trabalho do plasma – tendo assim mais liberdade e menos custo. Para você entender quão fundamental é esta mudança, estes fios de cobre que foram usados abusivamente pela civilização humana nos últimos cem anos, agora vão se acostumarem a maneira correta de trabalhar, já que seguindo o nosso procedimento a tecnologia atualmente instalada será aproveitada. A mesma tecnologia servirá para seu automóvel reduzir o consumo de combustível, podendo esta economia chegar até 70%, porque já expliquei que você não estará produzindo 50% de energia alternativa, ou 100¨de energia alternativa ao petróleo. Na verdade você está mudando de combustível, do óleo ou da gasolina ou do álcool para o plasma. E isso tem tudo a ver com a maneira com que você nano reveste os materiais, os metais.
Ao fazer a operação de nano revestimento, como já foi dito, tente colocar os objetos acima do fundo da bacia de modo que não permita que qualquer resíduo da soda cáustica no fundo encoste neles. Coloque então água fervida e quente sobre eles – a água deve molhar bem todos os objetos – e feche rapidamente a tampa, deixando fechada por 24 horas.
96
Em seguida, tire-os fora da bacia ou balde, esvazie os resíduos de cáustica, limpe, seque,
(Nota do E.: Aqui entra a questão da polarização da bobina, para definir seu positivo e negativo, e isto é feito após a primeira camada ou aplicação de nano revestimento, com as pontas de um multímetro ligado aos dois lados de cada conjunto de bobinas, sempre de acordo com o fluxo de corrente especificado nos esquemas.)
E repita então todo aquele processo do dia anterior – e isto tudo pode levar só uns poucos minutos se você tiver a água fervente disponível – e feche a tampa outra vez e deixe-os por mais um dia, para que as nano camadas possam crescer,
97
porque é tal como preparar pipocas, onde você tem que permitir que elas surjam. Então você terá uma boa nano camada. Há vídeos suficientes mostrando como chegar até aí.
Neste segundo momento, recomendamos que inclua no ambiente interno da bacia também outras peças de metal para revestir, como arames, placas, plaquetas, filetes de metal, principalmente cobre.
Você tem que fazer nano revestimento de seus conjuntos de bobinas por algumas vezes, tal como você faria com qualquer arame. .

 

O PLASMA LIVRE

Então passamos ao próximo passo. Como produzir plasmas livres? O plasma livre, que é o que chamamos de Gans, gases em estado nano,
98
Em todos os lugares pela internet você pode conhecê-los e saber como são produzidos.
Tente saber enquanto você está fazendo eles (Gans) porque você está fazendo eles. Eles tem uma razão porque são feitos.
Também separe 10 pedaços de arame de cobre puro de 1.6 mm , de cerca de 15 centímetros cada,
99
e os coloque ao lado dos conjuntos de bobinas, para ficarem também nano revestidos. Coloque-os lá por cerca de dois dias (2 x 24 horas), porque você necessitará deles nano revestidos quando chegar o momento de fazer as conexões finais do reator. Tais arames serão necessários para o próximo passo a fazer: os plasmas livres.
Agora você tem em mãos a base para uma das mais poderosas unidades de produção de energia do universo. Na sequência eu lhes mostrarei o quanto isto é poderoso. É tão poderoso que pode alimentar gerações de pessoas.
Você necessitará também de um pequeno pedaço de zinco, ou de cobre não revestido. Deve mantê-lo não revestido, ou então um pedaço de arame de cobre.
Então, repassando, a forma certa é, enrole as bobinas, e encaixando a menor dentro da maior pelo método de rosca prepare os conjuntos, 6 conjuntos de bobinas, três mais compridos, e três menos compridos, e estes já devem estar dobrados em forma de círculo. Junte também os 10 arames retos de 15 cm e também mais um grande pedaço de cobre junto (para as produções de Gans). Coloque tudo isto para nano revestimento ao mesmo tempo, isto é, coloque a cáustica primeiro e então pendure estes objetos. Derrame água quente em temperatura de ebulição e feche com a tampa e deixe por 24 horas fechado ali.
Agora falamos sobre métodos alternativos de nano revestimento: se você souber outras maneiras de fazê-lo, compartilhe. Mas temos visto que há uma maneira de nano revestir na qual você pode usar gás (maçarico) para aquecer bem o cobre e o nano revestimento aparece, mas para usar este método é necessário muita experiência. Existe ainda um outro método no qual você pode ligar o cobre, o arame, a uma corrente ativa de 1.5 volts ou 2 volts e 0.5 ampere ou 1 ampere, através de uma fonte de alimentação específica. A outra forma é se você tem uma unidade MP já nano revestida, você pode conectar os arames ou molas a ela e o próprio plasma circulante vai nano revesti-las naturalmente. Este é um novo desenvolvimento da tecnologia, onde as peças são revestidas através de plasma, o qual não tem custo algum, mas que depende de que você tenha antes um sistema capaz de produzir o plasma. (Alias, a garrafa de coca-cola também mostrou ser um método que deixa pretas as camadas sobre o cobre) . São todos formas alternativas de fazer o nano revestimento.
Mas queremos ensinar hoje o método mais tradicional de como é feito, que abrange a maioria dos vídeos disponíveis na Internet. Você verá no vídeo do Armen a explicar este método que ele sempre usa luvas. Você não deve tocar nos nano materiais com mãos nuas. Necessita-se usar luvas porque os nano materiais são absorvedores de energias, e seu corpo tem energias e as luvas funcionam como isolantes.
Outra coisa é a temperatura, da água e da reação, pois você tem que tomar cuidado com isto, para não se queimar.
Em terceiro lugar, e é algo muito importante, verifique se sua soda cáustica não carrega consigo qualquer coral, ou cloro pois estas contaminações podem lhe fornecer diferentes nano materiais que não serão úteis.
Assista agora ao vídeo do Armen, explicando como fazer:

Assista em tela inteira para ler as legendas. Se a legenda em português não surgir automaticamente clique no botão indicado:
102
Então…
É assim que você deve fazer com suas peças de cobre. Você pode fazer isto em casa, ou deixar que pessoas mais experientes façam isto por você. Até alguns anos atrás, ou seja, até nós abrirmos isto para o público, os nano tecnólogos só podiam fazer isto por meio de raios gamas e usando materiais nucleares e agora, vejam só, todos vocês se tornaram físicos nucleares, de tão fácil que isto se tornou. Saibam que por decreto governamental a única nação que é deixada para trás, não podendo toar em nano materiais, são os cidadãos belgas, porque lá eles são considerados terroristas se fizerem estes nano materiais, pois este impedimento virou lei por lá. Fizeram isto para tentar impedir a humanidade de evoluir e a FK de continuar, porque quiseram parar esta tecnologia, mas as autoridades belgas não conseguiram. Atualmente os belgas tem que enviar amostras dos seus nano materiais ao técnicos do governo e aguardar sua liberação, aprovação, para não ser presos. Assim que anda as regras por lá.
Amanhã (aulas 3 e 4) nós lhe ensinaremos a fazer estes plasmas livres que são os Gans.
100
Vai ser necessário que vocês produzam um monte destes materiais Gans, tanto quanto puderem, tanto quanto virem a necessitar. Então, quando você for montar estes pequenos cubos (vasilhames de tampa aberta para produção de Gans) busque ter um monte deles para fazer uma grande produção.
Tente nano revestir pelo menos 5 ou 6 dessas folhas grandes de cobre nano revestidas, para você poder por meio delas e dos outros ingredientes conseguir produzir grandes quantidades de Gans já para usar amanhã, ou para aprontá-los já nas próximas semanas. Tente fazer tanto Gans quanto seja possível, pois você vai mesmo necessitar deles.
Estamos lhes abrindo o projeto inteiro do MP, não só dando-lhes o diagrama mas ensinando passo a passo como fazer. Nunca na história humana se teve conhecimento de um projeto como este compartilhado de forma tão aberta, tão direta, para o benefício da humanidade. E quando souber todos os passos, busque produzir muitos reatores MP, tantos quantos puder.
Nós já temos, na Itália, a capacidade de produzir até um milhão de caixas azuis por mês. E você pode se juntar à nós assim que possível. Quando você colocar estas unidades em operação, você vai parar de aquecer sua residência e vai livrar-se dos custos pesados de energia elétrica, sendo capaz de usar energia livremente, além de liberar seu país das amarras de enormes dívidas para com empresas de carvão e de petróleo. Com esta tecnologia você descobrirá quão livre você se torna, e seu país poderá reduzir em 95% sua produção elétrica. mantendo apenas algumas poucas para fornecer pequena quantidade e o sinal (Hz) da rede.
Muitas unidades MP também cuidaremos de distribuir gratuitamente para várias nações carentes. Nas próximas semanas, quando já tivermos despachado os pedidos antecipados, o embaixador da Palestina para a FK,  sr., Ali White, que é quem vai doar aos palestinos 1000 destes reatores. Na semana seguinte então liberaremos 1000 reatores para ser distribuídos em toda a Itália, para acelerar o desenvolvimento desta tecnologia aqui. E a cada quantidade de pedidos recebidos destes reatores, estamos sempre calculando uma quantidade de reatores a ser doada e despachada ao continente africano, e três outros países, e até para Tel Aviv enviaremos para famílias carentes.
Assim, com a nova tecnologia, forçamos a partilha de conhecimentos, e daqui a 2 semanas nosso embaixador para a Palestina, o qual esteve aqui no Encontro de Embaixadores, como um deles, presente no evento, estará aqui recebendo da nossa fábrica as primeiras unidades para levar para a Palestina. E o mesmo para o embaixador nigeriano e o embaixador armênio que estiveram no encontro., Nossa ideia é para cada 1000 unidades vendidas, 3000 sejam doadas a nações carentes. E esta é a razão porque nós pedimos 300 Euros de doação a cada pedido de um reator. A expansão da tecnologia não depende de sua generosidade, mas este gesto de doação lhe permite ajudar outros que precisam dela. Assim, compreenda que ao pagar uma unidade com a doação incluída, você está na verdade pagando por 3 unidades, e uma será sua, uma reverterá em doação gratuita para alguém de seu próprio país e outra em doação para nações do terceiro mundo que muito necessitam dela.
101
Essa é a razão para os preços das unidades.pois ao adquirir uma unidade você estará compartilhando outras duas com os outros,  Já estamos despachando o primeiro lote e na próxima semana teremos 10 mil unidades prontas para despacho.
E para aqueles que se recusarem à doação de 300 Euros, está estipulado no nosso website que o tempo de espera pela entrega de sua unidade pode chegar até a 2 anos. Ou então aguarde até que haja muitos produtores, quando então você vai poder escolher comprar deles.
A razão disso é muito simples, para que compreendam um princípio segundo o qual se você compartilha, temos mais para compartilhar, mas se você tentar omitir-se de partilhar, não haverá mais como compartilhar. Ao compartilhar, você está se tornando cada vez mais rico, não em termos de dinheiro no bolso, mas sim em entendimento de que esta sociedade neste planeta trabalha em conjunto para alcançar a paz para todos.
Outra forma é você aprender a construí-los, e quando isto acontecer, você instala um em sua casa e ninguém, nenhum ministro poderá dizer o que usar em casa, o que comer em casa, ou o que fazer quando você adoece. Especialmente quando há grandes necessidades e os líderes não podem atender a demanda da nação.
Com a liberação desta tecnologia nós iniciamos uma revolução, e também começamos uma evolução da ciência. E é aí que vamos mudar. Você sabe a quantidade de cobre que é retirada das minas da África e que é usada pelo mundo afora, e nós não retornamos nada de volta aos africanos, por causa da ganância, e você fica feliz em comprar a fiação e instalar em sua casa e ter essa coia que chamam de “corrente elétrica”. Agora, com a tecnologia de plasma você pode dispor do que você necessitar e quanto necessite. Os cientistas estão estupefatos e estão confusos, e pedem-nos fórmulas. Vamos pedir ao Sol para enviar-lhes a fórmula da energia que vem do plasma. Quando o Sol enviar esta fórmula, vamos dá-la gratuitamente às universidades, e aos presidentes.
Desta vez tudo se tornou muito simples. Ninguém pode chamar você de criminoso porque tudo que você está fazendo é usar os mesmos arames que já pertencem à fiação de sua residência. A soda cáustica é a mesma que você usa para limpara a grade do churrasco ou limpar a fossa. E ninguém pode dizer-lhe como ligar a fiação do jeito que você acha melhor. Portanto, a partir de agora nenhum governo em nenhum departamento pode barrar a humanidade de progredir, até porque nós da FK temos estocado cobre e soda cáustica suficiente para produzir milhares de sistemas. E se alguém quer aprender a fazer soda cáustica, guarde as cinzas do seu churrasco pois é muito fácil fazer soda cáustica com estas cinzas, aquecendo-as, etc. Você tem a madeira, você queimá-a, pega as cinzas, vá na internet e veja como fazer cáustica, pois é muito simples. Então você não necessitará nem mesmo de comprá-la.
Sem essa de materiais nucleares importados do Irã para a Bélgica para fazer uma bomba nuclear escondida. Esse truque das autoridades belgas não cola mais, vinda de estúpidos líderes de lá para um dos seus maiores ativos nacionais, que é a FK e sua tecnologia. Eles tentaram barrar e os italianos receberam de braços abertos, e nós abrimos fábricas aqui e agora a Bélgica não pode nem importar estes itens porque isto é ilegal em seu país, qualquer produção de nano materiais ou produto que os use é considerada ilegal por lá. Se você é Belga, não toque em nano materiais para não perder sua liberdade e não ser fichado como criminoso, porque existem leis quanto a isso por lá. Quanto ao resto dos países, sejam bem-vindos à energia limpa.

AVANÇAR PARA A PARTE 4 DA AULA 1

RETORNAR À PARTE 2 DA AULA 1

Mehran Keshe Foundation KFSSI applications aplicações